19ª Legislatura 2019 - 2022

Notícia

CPI da Vale realizará audiência pública em Altamira para debater impactos de Belo Monte

18/11/2021 10h28 - Atualizada em 18/11/2021 10h34
Por Mara Barcellos - AID - Comunicação Social

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a atuação da empresa Vale no Pará realizará audiência pública na cidade Altamira, no auditório da Associação do Município do Consórcio de Belo Monte, no próximo dia 19 (sexta-feira) às 15h. 

Com o tema “A Situação Social e os Cumprimentos das Condicioantes Socioambientais acerca das Barragens de Belo Monte”, o objetivo é ouvir autoridades municipais e comunidades atingidas pelos projetos de Belo Monte. A audiência atende ao requerimento do presidente da CPI, deputado Eraldo Pimenta, que conduzirá a programação.

“A audiência é um momento importante para ouvir as comunidades atingidas por Belo Monte para colher informações e fazer o nivelamento de conhecimento das informações, e a gente vai somando e agregando esses dados”, afirmou o deputado Eraldo Pimenta.

As atividades fazem parte do cronograma do plano de trabalho da CPI, com intuito de conhecer os impactos nas comunidades que vivem no entorno de grandes projetos da empresa Vale e até de empreendimentos em que Vale é acionista, como é o caso de Belo Monte, que detém 9% de participação.

Entre as inúmeras questões que são alvos de críticas por parte dos Movimentos de Barragens, estão a falta de água nos reassentamentos urbanos coletivos (RUCs), construídos pela Norte Energia para realocar os atingidos pela hidrelétrica. Atualmente, as 3.850 casas construídas nos cinco RUCs, contam apenas com fornecimento parcial de água na rede de distribuição, situação que exige apoio de caminhões-pipa. 

O abastecimento de água é fornecido pela prefeitura municipal, por meio da Coordenadoria de Saneamento de Altamira (Cosalt) e o abastecimento por caminhões-pipa é feito pela Norte Energia, em cumprimento judicial.

Entre os participantes já confirmaram presença o Prefeito municipal, Claudomiro Gomes da Silva; presidente da Câmara Municipal, Silvano Fortunato da Silva; representantes de movimentos sociais como Movimento de Atingidos por Barragens – MAB, Sindicato Rural e dos reassentamentos urbanos coletivos (RUCs), entre outros.

Atuação  

Esta é a quarta audiência pública da CPI que acontece nos municípios. As outras aconteceram em Parauapebas, Ourilândia do Norte e Redenção. Além disso, foram realizadas diligências nos projetos industriais e de extração de mineral da empresa Vale em Marabá, Parauapebas, Canaã dos Carajás, Ourilândia do Norte e em São Gonçalo do Amarante, no Estado do Ceará.

Palácio Cabanagem - Rua do Aveiro,130 - Praça Dom Pedro II, Bairro Cidade Velha - 66020-070
(91) 3213-4200
AID - Assessoria de Imprensa e Divulgação - Email: imprensa@alepa.pa.gov.br | Sistemas
Ouvidoria: ouvidoria.alepa.pa.gov.br

Todos os Direitos reservados | 2019