19ª Legislatura 2019 - 2022

Notícia

Dbes realiza ação sobre "Setembro Amarelo"

14/09/2021 17h51 - Atualizada em 14/09/2021 17h53
Por Dina Santos - AID - Comunicação Social

"Você é o amor da vida de alguém ", esse foi o slogan abordado pelo Departamento de Bem-Estar Social da Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Dbes-Alepa) sobre o Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio.

10 de setembro é considerado o Dia Mundial de prevenção ao Suicídio, data criada pela Associação Internacional para a Prevenção do Suicídio e pela Organização Mundial de Saúde (OMS). O objetivo da data é chamar a atenção da comunidade em geral sobre a relevância do assunto.

No Brasil, o "Setembro Amarelo" marca o mês para a prevenção ao suicídio. A iniciativa da campanha é do Centro de Valorização da Vida (CVV), da Associação Brasileira de Psiquiatria e do Conselho Federal de Medicina.

Na Alepa, por meio do Dbes, os profissionais de saúde do departamento, lembraram na manhã desta terça-feira, 14, aos servidores da Casa sobre prevenção e cuidado que todos devem ter em relação ao suicídio.

"O assunto ainda é considerado um tabu. É fundamental trazer à  sociedade esse tema. No Dbes,  temos profissionais capacitados para orientar, ajudar a pessoa a sair de uma depressão, um dos maiores fatores que levam o indivíduo a tirar a própria vida. Hoje, mostramos aos nossos colegas de Casa e aos deputados o quanto é necessário falar, cuidar da saúde mental. Cada pessoa é um amor na vida de outra pessoa, seja ela quem for", disse Karla Lobato, psicóloga e diretora do Dbes.Karla Lobato

"Essa campanha é fundamental para ajudar a diminuir o índice de suicídio no Brasil. O tema deve chamar a atenção de toda sociedade, e o Dbes tem trabalhado para que a saúde dos nossos servidores, da nossa comunidade, possa caminhar de forma positiva. Parabéns ao departamento pela ação sobre a importância do tema ", destacou o presidente da Alepa, deputado, Chicão.

Servidora da Casa há 36 anos, Ruth Bezerra, enfermeira, fala de como é necessário cuidar. "Converse, pergunte se teu colega de trabalho está bem. Observe seu filho, principalmente os jovens. O Dbes atua nas ações voltadas à saúde. Sabemos de muitos casos de parentes de servidores que tentaram tirar a vida e quando vão solicitar ajuda, estamos ali, prontos a ajudar", contou.

Deputado Chicão, presidente da Alepa

Origem do Setembro Amarelo:

O Setembro Amarelo é dedicado à prevenção e conscientização contra o suicídio. Cerca de 12 mil suicídios são registrados todos os anos no Brasil e mais de 1 milhão no mundo.


Trata-se de uma triste realidade e, em 96,8% dos casos há relação com transtornos mentais. Entre as principais doenças relacionadas está a depressão, seguida do transtorno bipolar e abuso de substâncias.


Os índices crescentes de suicídios nas últimas décadas alertam sobre a importância de falar sobre o assunto. Ainda há muito tabu acerca do tema, mas o colocar em pauta na sociedade é fator importante para evitar a perda de outras vidas.


É nesse cenário que o Setembro Amarelo ganha cada vez mais força. A campanha mobiliza a sociedade para conscientização sobre o tema, falando sobre como identificar sinais da ideação suicida, como ajudar ou buscar ajuda.

Palácio Cabanagem - Rua do Aveiro,130 - Praça Dom Pedro II, Bairro Cidade Velha - 66020-070
(91) 3213-4200
AID - Assessoria de Imprensa e Divulgação - Email: imprensa@alepa.pa.gov.br | Sistemas
Ouvidoria: ouvidoria.alepa.pa.gov.br

Todos os Direitos reservados | 2019