19ª Legislatura 2019 - 2022

Notícia

NOTA – PRESIDENTE DA CDHeDC-ALEPA SOBRE PRISÕES DE LIDERANÇAS DO MST

10/06/2020 10h51 - Atualizada em 10/06/2020 11h04
Por Lilian Campelo - ASCOM CDHDC

O presidente da Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Pará (CDHeDC-Alepa), deputado Bordalo (PT), vê com preocupação as prisões temporárias de Manoel Souza, Eliana Tavares e Marcos Ferreira integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST-PA), ocorridas nesta terça-feira (09).

As prisões foram realizadas pela Delegacia Especializadas de Conflitos Agrários (DECA) e as três lideranças foram presas em decorrência das investigações do assassinato de Alfredo Filho Rodrigues Trindade, morto durante a ação de reocupação do Acampamento Helenira Rezende, em 16 de setembro de 2018, onde ele era acampado.

À época da reocupação da fazenda Cedro, as famílias foram surpreendidas com o assassinato de Alfredo, mais conhecido como "Grande". Na ocasião as próprias famílias acionaram a polícia e se colocaram à disposição para esclarecimentos. Suspeitos foram apontados, mas nunca foram localizados.

As três lideranças possuem residência fixa, não apresentam empecilhos para o seguimento das investigações e são presos em contexto de pandemia, colocando em risco a integridade da vida humana das lideranças.

Na conjuntura de desmantelamento de políticas de reforma agrária e da agricultura familiar a prisão dos integrantes do MST confere um caráter nebuloso, pois são importantes lideranças populares do movimento em Marabá.

O presidente da CDHeDC-Alepa acompanhará a evolução e andamento do caso.

Palácio Cabanagem - Rua do Aveiro,130 - Praça Dom Pedro II, Bairro Cidade Velha - 66020-070
(91) 3213-4200
AID - Assessoria de Imprensa e Divulgação - Email: imprensa@alepa.pa.gov.br | Sistemas
Ouvidoria: ouvidoria.alepa.pa.gov.br

Todos os Direitos reservados | 2019